quinta-feira, 29 de outubro de 2009

do que não cessa

depois que a gente vê o mar
desengata uma saudade no peito
mar é que nem amor
abre uma ferida que não fecha

37 comentários:

Renata Luciana disse...

O mar agiganta a gente e tem gente que nem sabe. Só sei sentir e viver

maria vicentina disse...

Sou fã de quem é fã de poesia. E sou mais ainda de quem faz poesia :)
Quem faz poesia adoça o mundo e a vida de quem a lê.
Adorei seus escritos e teu blog é uma graça. Limpinho, dá prazer em ler.
Beijo, Paulo.

Luna disse...

'é como se agente virasse poeta e arrancasse as palavras de dentro do peito'

também é assim, quando a gente vê o mar.

Ana disse...

Ah! O mar!

Maria disse...

É grande, infinito aos olhos, nostálgico e quase triste...mas é lindo. O amor, digo, o mar.

Meu beijo

Bê Matos disse...

Amor.
O mar.

É uma coisa a là Análise combinatória-Sentimental.

:)

Dandara disse...

Acho que os emes dessas duas palavras são emes de fazer querer sempre mais.

Luciana disse...

É tão imenso e forte que a gente perde um pedacinho de nós quando ficamos longe do mar... ou do amor.

Beijo grande, moço do pôr-do-sol (e a imagem do pôr-do-sol na cidade por trás do rio sempre me faz lembrar de ti).

rarumie disse...

e não fecha! :)

olha, eu tô morrendo de saudade, e vou mandar de pegarem lá fora se certas coisas não reatarem. aparece aí qualque hora, pra me encher o saco,que seja.

bjs

Ana Paula disse...

Mas o mar é lindo e o amor tmb...=)

João Romova disse...

Qual será o motivo?

Será que é por que a gente vê o céu e o seu espelho no chão? Será que é aquele sussurro no ouvido vindo da Criação? Ou porque ficamos pequenininhos... e isso, em tantas vezes, nos consola e acalma?

bateu saudade, deu pra ver né?

renata disse...

é que o mar renova e traz também de volta vontades e saudades...

beijo!

vanessa disse...

.
eu gosto tanto de mar
a-mar...

te deixei um selinho no meu blog, fique a vontade por lá

.

Niña disse...

Passando de visita no seu blog... e adorei o seu cantinho.

O texto está lindo. Adoro olhar o mar, mas é bem verdade mesmo que ele nos adentra com um monte de lembranças.

Estarei te acompanhando agora, tá?!
Bjinho

Natália Corrêa disse...

Ahmar!

Luna disse...

li e reli de novo, quando voltei só pra dizer que tem selo pra vc no meu blog, não sou boa com selos, mas tinha que indicar blogs especiais, e pra mim, o teu é um deles.

beijo.

Li disse...

mar não devia nunca ir embora. mas ele vai, e vem.. e seca. depois ele enche e transborda. ê lelê...

Tatiana F. disse...

É saudade... Ela é a maior causadora das nossas feridas, mas anda acompanhada do amor, e as vezes até mesmo do mar.

Roberta Blá disse...

Saudade,sempre se fazendo presente em minha vida. Olha, tem selinho pra vc lá no meu blog!
beeeijos

Sus-pensa disse...

E a gente não sabe se ri, ou chora, frente a imensidão do mar, do amor...

subsenso disse...

Maceió, quem me dera!

Tanara disse...

"depois que a gente vê o mar"
[e nele não se pode banhar]
"desengata uma saudade no peito"
[que não tem jeito!]
"mar é que nem amor"
[longe, dá saudade...]
"abre uma ferida que não fecha"
[perto cura tristeza,
leva embora a dor.]

Tatiana F. disse...

Posso ter uma bela casa, mas a sua me deixa encantada!

bia martins disse...

Encanto aqui, encanto vc.
precisamos conversar, rs
bjo meu! ^^

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Chrystian~ disse...

Você me fez lembrar de quando eu fui ver o mar.

bianca disse...

seus poemínimos sao tao bonitos. de minimos nao tem nada. como falar tanto com tao pouco palavra?

Ana disse...

Gostei demais do seu cantinho aqui moço!
Demais mesmo!

Tenho uma relação boa com o mar.
Suponho que ele gosta de mim, ou se esforça.

Boa quarta.

Dayane disse...

Concordo plenamente.

Mistério do Planeta disse...

ô, que lindo :)

Jaya disse...

Me lembrou muito Guimarães Rosa. "O mar é uma saudade".

E você é lindo, sabe? Me dá uma paz. Tanta paz!

Beijo, Paulo.

Dayane disse...

Mais textos =(

Joana Masen disse...

Gostei muito de tudo o que li por aqui, vou continuar acompanhando. Seu blog é maravilhoso. Abraço!

Tanara disse...

"Do que não cessa" não cessa mesmo heim moço! rss ^^

Meus Brinquedos Tristes disse...

larguei minha vida pelo mar!!!!!!!!

mande um olá para: disse...

O mar ainda existe? Como ele está?

Lúu Almeida disse...

Linda forma de se mostrar a tua alma,
adorei o modo que escreve.
Só pra não deixar passar, concordo
com tuas palavras.
Mas vai mais além que tudo que
se vê!

Flores!