quinta-feira, 13 de novembro de 2008

quase

não se preocupe.
esse querer,
é só esse espaço qualquer,
essa medida de tempo
que ficou lá trás,
entre o que não foi
e a espera do sempre.

4 comentários:

Thiago disse...

o quase machuca às vezes! Quase sempre.

Dani Santos disse...

As belas coisas, que se nos dizem, guardamos numa caixinha, como a um cristal. Assim são tuas palavras. preciosas e simples. Como uma rosa a se abrir;

Sentimental ♥ disse...

é essa coisa mal resolvida q incomoda.
bj

(l' excessive) disse...

suas coisas coisadas são muito lindas...