segunda-feira, 7 de maio de 2007

das horas

busco cada segundo
mas as horas insistem
em dizer
que tempo nem se busca
tempo é coisa que se passa bem passado
a ferro quente e à brasa
e que às vezes se dá bem embrulhado
de presente
nas datas de bem querer

mas o que as horas não dizem
e nem sabem
e eu também não
são das coisas do segundo próximo
as que futuram o instante
e escondem o que irá acontecer

3 comentários:

Mary disse...

Muito lindo! :)

O não saber o que irá acontecer às vezes traz boas surpresas...

Beijoss

diovvani mendonça disse...

E assim seguimos, sem saber o que nos (a)guarda o salto entre um segundo e outro. Bom que seja assim. AbraçoDasMinas.

P.S.: Aterrizei aqui, através da indicação da Mary, no blog de 7 cabeças.

diovvani mendonça disse...

Digo: no salto.